DESACELERANDO

Esse versículo tem rodeado meus dias... “Vinde à mim os cansados e sobrecarregados...”

Mateus 11:28


Peso - cansaço – acelerados – avalanches de metas – ruídos- aprendizado



Estamos vivendo um tempo de sobrecargas mentais e de conteúdo: Façam conteúdo!! Essa frase permeia a vida de tal maneira! “As pessoas querem conteúdos, mais e mais”...e mais...ganhe, ganhe e ganhe...será que as pessoas também não estão cansadas de tantos conteúdo??


UMA REDE QUE FALA E VIVE MAIS A LEVEZA.

Sou totalmente a favor de criamos e nos posicionarmos a respeito do que amamos e acreditamos, e a internet pode e sempre poderá ser nossa aliada em termos de conhecimento. Eu amo! Tanto que sou professora do online! Definitivamente me encontrei por aqui nesse mar virtual! Mas uma coisa tem me intrigado nesses últimos meses...o ter está ficando acima do ser. Vale a pena ganhar tudo em troca de nossa sanidade mental? Existe uma sobrecarga de conhecimento. Por isso decidir transformar minhas redes em UMA REDE QUE FALA E VIVE MAIS A LEVEZA. Queria falar um pouco aqui sobre essa leveza que tanto escutamos e temos um conhecimento um pouco raso sobre o assunto. Esses dias lendo sobre o tema me deparei com o conceito slow content, o conceito que fala exatamente o que penso e quero para minha empresa de francês e comunidade. Em um mundo um tanto acelerado. Vivemos com a sensação de que o nosso tempo é muito curto para tudo que desejamos descobrir, aprender e fazer.


ATENDENDO EXPECTATIVAS!

Na tentativa de atender todas essas expectativas somos tomados por uma avalanche de metas, prazos e notificações que, muitas vezes, extrapolam as telas dos dispositivos e se tornam ruídos em nossas mentes. Esses ruídos já me fizeram tão mal ao ponto de sempre ter a sensação de desistir do trabalho, agora pensa comigo por que estamos normalizando tanto produção e até as brincadeiras do “Ai to quase desistindo daqui” quando nos referimos ao trabalho e as redes sociais, sendo que somos nós que devemos da o limite e não sermos escravos de uma audiência.


E O QUE ISSO TEM HAVER COM A LÍNGUA FRANCESA?

Sim, mas o que isso então tem a ver com você aprendente da língua? Tem muito haver visto que o emocional está totalmente ligado ao nosso aprendizado. Assim queremos também fazer quando estamos estudando uma nova língua: queremos descobrir, aprender e fazer no tempo mais curto possível e ainda assim ter excelentes resultados: QUASE IMPOSSÍVEL NÉ? O que podemos acarretar é a sensação de falha e ansiedade no processo.


EU DEMOREI A ACEITAR QUE VIVIA ACELERADA!

Quando falei do versículo no começo, falei, pois, primeiro de tudo sou cristã e quando ouço Jesus falar nesse capítulo Vinde a mim os cansados eu percebo o quanto Ele já sabia que o ser humano está sempre em busca de conquistar algo e na maioria das vezes não sabe administrar e fica cansado! Não somente nos estudos, mas na igreja, em casa, no trabalho, estamos sempre correndo atrás de novas metas, novas conquistas. E o ciclo não para. Eu demorei aceitar que vivia acelerada, sabe por quê? Porque eu não sabia parar!! Tinha desaprendido a viver o silêncio e a simplicidade dos pequenos momentos. Meu filho foi uma parte desse despertar e me fazer reaprender. E não tem nada de errado em querer conquistar ou ter metas viu? Não se trata disso. Até porque precisamos ser organizados. Eu mesma tenho minhas metas e sonhos a alcançar, veja bem não tem nada de errado em se esforçar, correr atrás, ficar algumas noites sem dormi estudando para alcançar um objetivo. Mas quando começamos a colocar a conquista como meta de vida nós aceleramos e